guilherme
programação
museu
educativo
tradução literária
cinema
publicações
bancos de dados
serviços

BLOOMSDAY 2016 – 29ª EDIÇÃO EM SÃO PAULO (11 e 16/06)

Coordenação do programa: Marcelo Tápia e Ivan de Campos

Colaboração: Donny Correia

 

50 ANOS DE ULYSSES NO BRASIL

 

A celebração deste ano – em que se completam 50 anos da publicação, no Brasil, da primeira tradução em língua portuguesa do romance Ulysses, de James Joyce, realizada por Antônio Houaiss – focalizará não só a tradução pioneira como contará com palestra do responsável pela terceira versão brasileira do livro, Caetano W. Galindo, que autografará sua mais recente obra, Sim, eu digo sim – Uma visita guiada ao Ulysses de James Joyce, a ser lançada, na ocasião, pela Companhia das Letras.

 

 

A 29ª edição do Bloomsday em São Paulo – organizada pelo Museu Casa Guilherme de Almeida – Centro de Estudos de Tradução Literária acontece, como sempre, no dia 16 de junho. A programação, bastante diversificada, será realizada no espaço Anexo da Casa Guilherme de Almeida. O evento é coordenado por Marcelo Tápia e Ivan de Campos.

 

O Bloomsday homenageia o escritor irlandês James Joyce, criador de Ulysses, um dos marcos da história da literatura mundial. A comemoração conta com breves palestras, leituras, apresentações musicais e teatrais. A data de sua realização (16 de junho) é o dia em que transcorre a ação do romance, cujo personagem central, Leopold Bloom, perambula por Dublin nesse mesmo dia, em 1904.

Comemorado em diversas cidades do mundo, como Londres, Dublin e Nova York, o evento foi criado em São Paulo, em 1988, por Haroldo de Campos, que participou de sua organização até seu falecimento, em 2003. O Bloomsday paulistano inspirou outras cidades brasileiras. Hoje, o evento acontece em cidades como Florianópolis (SC), Santa Maria (RS), Rio de Janeiro, Belo Horizonte (MG) e Porto Alegre (RS), entre outras. Este ano o evento em São Paulo fará conexão, via internet, com o organizador da celebração em Santa Maria (RS), Aguinaldo Severino, em torno da homenagem à primeira tradução brasileira de Ulysses.

 

 

O Bloomsday 2016 – ano em que surge o recém-publicado livro Sim, eu digo simUma visita guiada de James Joyce, de Caetano W. Galindo – responsável pela mais recente tradução de Ulysses, lançada em 2012, ambos os trabalhos pela Companhia das Letras – sediará o lançamento dessa obra, e contará com uma breve palestra do autor sobre ela e sobre as traduções brasileiras do romance. O tema central do programa serão os 50 anos da chegada de Ulysses ao Brasil, que aqui aportou por meio da tradução do filólogo Antônio Houaiss, primeira em língua portuguesa. Assim, o programa incluirá breves comentários, por diversos participantes, sobre a tradução pioneira (entre as três existentes, hoje, no país) e com leitura de alguns fragmentos do texto.

 

Também será evocado o poeta, ensaísta e tradutor Haroldo de Campos, criador do Bloomsday em São Paulo, por meio de uma leitura dramática de sua peça teatral, inédita, A legenda de um cálice. O evento contará com a participação de atores e músicos, encerrando-se com uma apresentação vibrante de música instrumental irlandesa. Clique aqui para ver o programa completo.

 

O evento conta com o apoio do Consulado Geral da Irlanda em São Paulo e da Companhia das Letras.

 

Data: 16 de junho, quinta-feira, a partir das 18h30.

Local: Casa Guilherme de Almeida – Anexo

            Rua Cardoso de Almeida, 1943 – Pacaembu, São Paulo

 

 

Outras atividades integrantes da comemoração do Bloomsday, na Casa Guilherme de Almeida

 

 

 

O Museu Casa Guilherme de Almeida – Centro de Estudos de Tradução Literária é uma instituição da Secretaria da Cultura do Governo do Estado de São Paulo administrado pela POIESIS – Instituto de Apoio à Cultura, à Língua e à Literatura.

Programa Continuado: cursos de intelecção de textos em línguas estrangeiras EXPOSIÇÃO - A POÉTICA DAS RUAS Casa Guilherme de Almeida consolida primeiro centro de estudos de tradução literária no Brasil
Funcionamento de carnaval PROGRAMA CONTINUADO: INTELECÇÃO DE TEXTOS EM LÍNGUAS ESTRANGEIRAS Coordenadora do Centro de Estudos de Tradução literária realiza palestra no 17º Encontro de Férias
voltar
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO DO MUSEU

Visitação: de terça-feira a domingo, das 10h às 18h.
Atividades culturais e educativas: de terça a sexta-feira, das 19h às 21h, e aos finais de semana, das 10h às 19h
(consultar programação).

CASA GUILHERME DE ALMEIDA
CENTRO DE ESTUDOS DE TRADUÇÃO LITERÁRIA

55 11 3673-1883 | 3803-8525 | casaguilhermedealmeida@gmail.com
Museu: R. Macapá, 187 - Perdizes | CEP 01251-080 | São Paulo
Anexo: R. Cardoso de Almeida, 1943 | CEP 01251-001 | São Paulo

POIESIS
POIESIS
PORTAL DA TRANSPARÊNCIA ESTADUAL
OUVIDORIA