guilherme
programação
museu
educativo
tradução literária
cinema
publicações
bancos de dados
serviços

A partir de maio, museus da Secretaria de Estado da Cultura terão entrada gratuita aos sábados

A iniciativa marca as comemorações da Semana Nacional de Museus; nas 18 instituições museológicas do Governo do Estado de São Paulo, o público também poderá conferir programações especiais ao longo de todo o mês

De 12 a 18 de maio, quando é comemorada a Semana Nacional dos Museus, diversas instituições museológicas em todo o País preparam programações especiais para seus visitantes. Em São Paulo, a Secretaria de Estado da Cultura estende esta festa ao longo de todo o mês de maio, promovendo uma série de atividades especiais nos seus equipamentos museológicos. A comemoração inclui uma grande novidade para o público: a partir deste mês, todos os 18 museus da Secretaria passam a ter entrada gratuita aos sábados. Alguns equipamentos manterão um segundo dia de gratuidade ao longo da semana (confira no serviço abaixo).

“Além das exposições, programações diversificadas e acessíveis a todos os públicos têm atraído cada vez mais pessoas para os museus da Secretaria de Estado da Cultura e é exatamente este o objetivo da Semana Nacional de Museus, com uma comemoração que se estende ao longo de todo o mês de maio. Neste ano, ficamos muito felizes em anunciar, também, a nova política de gratuidade aos sábados nos 18 museus do Governo do Estado de São Paulo. Esperamos que a medida crie um hábito no calendário cultural paulista, facilitando ainda mais o acesso da população a programações artísticas culturais de altíssima qualidade”, diz o Secretário de Estado da Cultura Marcelo Mattos Araújo.

No dia 18 de maio (domingo), quando é comemorado o Dia Internacional dos Museus, a entrada também será grátis. O mês marca, ainda, a reabertura de dois equipamentos de grande importância no cenário cultural paulista: o Museu Casa de Portinari, em Brodowski, e o Museu da Imigração, que promove uma grande festa para comemorar sua reinauguração no dia 31/5, em São Paulo.

Sob o tema “Museu MeUeSEU: de todo mundo”, a programação dos incentiva os usuários a enxergarem os museus como um bem comum a ser usufruído pelos mais variados públicos: jovens, adultos e crianças. Para isso, durante todo o mês, estão programadas exposições especiais, cursos, palestras, instalações e oficinas. Este ano a Secretaria de Estado da Cultura preparou um aplicativo especial que disponibiliza toda a programação que haverá nos 18 museus do Estado no mês de maio. Para baixar, basta acessar este link pelo navegador do celular: app.vc/museu-sp.

Em São Paulo, fazem parte desta programação a Casa das Rosas, Casa Guilherme de Almeida, Catavento, Museu Afro Brasil, Museu de Arte Sacra, Memorial da Resistência, Museu da Casa Brasileira, Museu do Futebol, Museu da Língua Portuguesa, Paço das Artes, Pinacoteca, Estação Pinacoteca e MIS (que terá gratuidade nas exposições do térreo e do Acervo).

O Museu da Imigração retoma suas atividades no dia 31 de maio. Nesta data, prepara uma programação cultural que contempla diversos públicos, com apresentações de teatro, dança, música, oficinas e palestras sobre o patrimônio relacionado aos processos migratórios ligados a São Paulo. O dia termina com um show do músico Arnaldo Antunes, totalmente aberto ao público.

No interior, também participam da programação o Museu Felícia Leirner (Campos do Jordão), Museu do Café (Santos), Museu Índia Vanuíre (Tupã) e Museu Casa de Portinari (Brodowski). Este último está fechado para restauro, mas reabre também no final de maio. Enquanto isso, sua programação acontece em outros espaços da cidade, como a Praça Candido Portinari e em marcos históricos da cidade.

Atividades- Além de varias exposições agendadas para o período, os museus também oferecerão oficinas, cursos, jogos e palestras, promovendo a interação com seus visitantes. O Museu da Língua Portuguesa, por exemplo, promove, de 13 a 18 de maio, a oficina “Museu Autor”, na qual, após uma visita ao museu, os visitantes montarão suas próprias vitrines com objetos, contribuindo para uma exposição coletiva. Além disso, nos finais de semana de maio, as visitas comentadas ao acervo serão dedicadas às famílias, para que todos compartilhem descobertas sobre a origem das palavras e curiosidades sobre a língua portuguesa.

Na Pinacoteca, no dia 15 de maio acontece a visita educativa para idosos e, no dia 17, tem uma visita especial com contação de histórias em Libras para pessoas com deficiência auditiva. Entre as exposições que estarão em cartaz uma instalação de Laerte Ramos, realizada especialmente para o Projeto Octógono Arte Contemporânea. A instalação é composta por peças de cerâmica em formatos distintos e peças que reproduzem pombos em bronze.

Ainda na Pinacoteca, outra exposição, “Uma Obra”, foi desenvolvida pelo Núcleo de Ação Educativa e de Pesquisa, que mostra apenas uma obra do acervo e a aborda, sob diversos pontos, desde a conservação e procedimentos de restauro já aplicados, até o histórico de sua incorporação ao acervo e como, ao longo do tempo, a mediação com público foi desenvolvida.

No Museu do Futebol, de 13 a 17 de maio, o equipamento promove visitação ao Centro de Referência do Futebol Brasileiro, novo espaço do Museu dedicado à pesquisa e a memória do esporte. Com biblioteca e base de dados para consulta ao acervo. Em maio, o museu também inaugura a exposição “Brasil 20 Copas”, que fará uma grande homenagem às seleções brasileiras que participaram das 19 edições da Copa do Mundo, além de celebrar a 20ª participação em 2014.

No dia 18, o Museu de Arte Sacra de São Paulo em parceria com o Catavento realizam visitas lúdicas, jogos de tabuleiro e gincanas nos espaços dos dois museus, em que os participantes apreenderão brincando sobre as transformações urbanas e pontos históricos da cidade de São Paulo. Para facilitar o acesso do público aos museus, haverá transporte gratuito para o deslocamento dos participantes de um museu ao outro durante todo o dia.

No interior, o Museu Casa de Portinari promove em vários locais da cidade, a exposição fotográfica “Caminhos de Portinari,” que aborda percursos que simbolizam e representam elos de memória e legitimidade da construção contínua da cidade pelos habitantes, incluindo os marcos históricos e culturais da cidade de Brodowski.

Em Santos, o Museu do Café programou nos dias 3, 10, 17, 24 e 31 de maio, uma visita monitorada das áreas interna e externa do edifício da Bolsa Oficial de Café, com curiosidades sobre o prédio. No dia 17, haverá uma oficina de escultura, voltada para as famílias, com a produção, em argila, de peças, figuras e objetos inspirados no tema “coleções criam conexões”.

A programação completa da Semana Nacional de Museus pode ser vista no site http://www.cultura.sp.gov.br

Programa Continuado: cursos de intelecção de textos em línguas estrangeiras EXPOSIÇÃO - A POÉTICA DAS RUAS Funcionamento de carnaval
Casa Guilherme de Almeida consolida primeiro centro de estudos de tradução literária no Brasil PROGRAMA CONTINUADO: INTELECÇÃO DE TEXTOS EM LÍNGUAS ESTRANGEIRAS Coordenadora do Centro de Estudos de Tradução literária realiza palestra no 17º Encontro de Férias
voltar
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO DO MUSEU

Visitação: de terça-feira a domingo, das 10h às 18h.
Atividades culturais e educativas: de terça a sexta-feira, das 19h às 21h, e aos finais de semana, das 10h às 19h
(consultar programação).

CASA GUILHERME DE ALMEIDA
CENTRO DE ESTUDOS DE TRADUÇÃO LITERÁRIA

55 11 3673-1883 | 3803-8525 | casaguilhermedealmeida@gmail.com
Museu: R. Macapá, 187 - Perdizes | CEP 01251-080 | São Paulo
Anexo: R. Cardoso de Almeida, 1943 | CEP 01251-001 | São Paulo

POIESIS
POIESIS
PORTAL DA TRANSPARÊNCIA ESTADUAL
OUVIDORIA