guilherme
programação
museu
educativo
tradução literária
cinema
publicações
bancos de dados
serviços

Evento Especial



ENCONTRO PERIPATÉTICO - SÃO PAULO DAVA UM FILME!

14 de Janeiro de 2017 | 10h

Neste novo passeio, na ideia aristotélica de “ensinar passeando”, o tema serão as representações fílmicas da cidade de São Paulo, bem como a crítica cinematográfica dos dois expoentes do modernismo brasileiro, Guilherme de Almeida e Mário de Andrade.


Casa Guilherme de Almeida

10h - Visita ao museu, que focalizará o tema “Guilherme de Almeida e sua cinefilia”.

11h - Ida ao Anexo do Museu, para apreciação, com comentários de Marlene Laky, técnica em preservação de livros e documentos da Casa, sobre o acervo de revistas de cinema da coleção de Guilherme de Almeida.

11h30 – Exibição, na Sala Cinematographos, de Fragmentos da vida (1929), de José Medina, com trilha musical ao vivo a cargo do pianista Gabriel Levy.

12h30 - Debate com Donny Correia e Vera da Cunha Pasqualin sobre a vida e a obra de José Medina, seguida por uma leitura comentada da crítica de Guilherme de Almeida sobre Fragmentos da vida.

13h10 - saída para a Casa Mário de Andrade.


Casa Mário de Andrade

14h15 - Palestra sobre Mário de Andrade e a crítica cinematográfica.

14h30 - Exibição de A casa de Mário de Andrade (1955), de Ruy Santos, e Arquitetura modernista em S. Paulo (1930), raro registro de Mário em visita à Casa Modernista de Gregori Warchavchik, realizado pela Rossi Filmes, empresa de José Medina.

15h - Visita às exposições da Casa Mário de Andrade.


Grátis.

 


Donny Correia, 
poeta e cineasta, é mestre e doutorando em Estética e História da Arte pela USP e bacharel em Letras – tradutor e intérprete pelo Centro Universitário Ibero-Americano (Unibero). Realizou os curtas experimentais Anatomy of decayBraineraserTotem, este selecionado para a 34ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo e Prêmio Canal Brasil, e In carcere et vinculis. Publicou os livros de poesia O eco do espelho (2005), Balletmanco (2009) e Corpocárcere (2013) e Zero nas veias (2015), além de ter organizado, junto com Marcelo Tápia a antologia Cinematographos de Guilherme de Almeida, para a Editora Unesp (2012). É coordenador de programação da Casa Guilherme de Almeida.

Gabriel Levy 
é acordeonista, arranjador, compositor, educador e produtor musical. Tem formação eclética, voltada tanto para a música erudita como para a música popular, tendo atuado em shows e CDs ao lado de artistas dos mais diferentes estilos, como Palavra Cantada, Fortuna, Ceumar, Antonio Nóbrega, Zé Geraldo, Vanessa da Mata, Claudio Nucci, Fafá de Belem, Pena Branca e Xavantinho, João Bá e André Abujamra, entre outros.

Marlene Laky
 é jornalista pela PUC-CAMP e conservadora-restauradora formada pelo SENAI. Ministrou diversas oficinas sobre conservação de livros em instituições como ECA-USP, Casa das Rosas e Casa Guilherme de Almeida, onde trabalha atualmente.

Vera da Cunha Pasqualin é pesquisadora e gestora de projetos culturais. Mestre em Comunicação e Práticas de Consumo e graduada em Comunicação Social, pela ESPM. Com mais de 20 anos de experiência, atuou no Brasil, Espanha e Estados Unidos com comunicação, desenvolvimento de negócios e planejamento e gestão de projetos.

 

voltar
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO DO MUSEU
Agendamento de visita (grupos): 55 11 3672-1391 | 3868-4128
Visitação: Quarta a sábado, das 12h às 16h

CASA GUILHERME DE ALMEIDA
CENTRO DE ESTUDOS DE TRADUÇÃO LITERÁRIA

55 11 3673-1883 | 3803-8525 | contato@casaguilhermedealmeida.org.br
Museu: R. Macapá, 187 - Perdizes | CEP 01251-080 | São Paulo
Anexo: R. Cardoso de Almeida, 1943 | CEP 01251-001 | São Paulo

OUVIDORIA