guilherme
programação
museu
educativo
tradução literária
cinema
publicações
bancos de dados
serviços

Evento Especial



ROBERT MUSIL EM LETRA E IMAGEM

28 de Maio de 2018 | 19h às 21h
Por Kathrin Rosenfield e Lawrence F. Pereira

Lançamento, palestra e vernissage

Por ocasião do lançamento da primeira tradução brasileira de Uniões (1911), do escritor austríaco Robert Musil (1880-1942), o Centro de Estudos de Tradução Literária convida para a inauguração de uma mostra de gravuras originais que ilustram o livro, criadas pelos artistas Maria Tomaselli, Marcos Sanches e Raúl Cassou, e para uma palestra de Kathrin Rosenfield – cotradutora da obra, com Lawrence Flores Pereira – sobre afinidades entre Musil e Clarice Lispector. Rosenfield, curadora da mostra, também comentará as dimensões múltiplas dessa experiência tradutória intersemiótica e conversará sobre a versão brasileira de Uniões com o cotradutor. 

Esta atividade poderá contar como crédito de horas para o Programa Formativo para Tradutores Literários.



Kathrin Rosenfield é professora adjunta da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, graduada em Letras pela Université de Paris III (Sorbonne-Nouvelle) (1981), mestrado em Antropologia Histórica pela École des Hautes Études en Sciences Sociales (1981) e doutorado em Ciência da Literatura pela Universidade de Salzburg (1984). Entre suas obras ensaísticas, destacam-se A linguagem liberada (1989), Grande sertão: veredas – Roteiro de leitura (1992), Sófocles & Antígona (2002), Estética (2006) e Antigone: Sophocles' Art, Hölderlin's Insight (2010).

Lawrence Flores Pereira é tradutor, poeta e professor na Universidade Federal de Santa Maria. É mestre pela Universidade Federal do Rio Grande do sul e doutor pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, com passagem de pesquisa na Université de Paris IV no Centre de Recherche sur l’Histoire du Théâtre e na antiga École Normale Supérieure de Fontenay aux Roses. Pós-doutor e pesquisador no Arthur F. Kinney Center for Interdisciplinary Renaissance Center, na Universidade de Massachusetts. Traduziu T. S. Eliot, Baudelaire, Barbey d’Aurevilly em seu livro Poesia em Tempo de Prosa, bem como Wallace Stevens, Emily Dickinson e outros poetas ingleses. Seu trabalho de resgate de poetas esquecidos inclui autores tão díspares quanto o poeta barroco francês Germain Habert, autor de Métamorphose des Yeux de Philis em Astres e o poeta popular Elísio Félix da Costa, o Canhotinho. Traduziu e montou, com Kathrin Rosenfield,  Antígona de Sófocles e Hamlet, de Shakespeare, tendo esta última representação resultado em diversos prêmios teatrais conferidos aos atores. Suas traduções recentes das peças de William Shakespeare, publicadas pela coleção Penguin/Companhia, receberam aclamação crítica e acadêmica nos últimos anos e lhe renderam, no caso de Hamlet, o primeiro lugar no prêmio Jabuti do ano de 2017. Em 2018 publicará a tradução comentada de King Lear .

voltar
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO DO MUSEU
Agendamento de visita (grupos): 55 11 3672-1391 | 3868-4128
Visitação: de terça-feira a domingo, das 10h às 18h.
Atividades culturais e educativas: de terça a sexta-feira, das 19h às 21h, e aos finais de semana, das 10h às 19h
(consultar programação).

CASA GUILHERME DE ALMEIDA
CENTRO DE ESTUDOS DE TRADUÇÃO LITERÁRIA

55 11 3673-1883 | 3803-8525 | contato@casaguilhermedealmeida.org.br
Museu: R. Macapá, 187 - Perdizes | CEP 01251-080 | São Paulo
Anexo: R. Cardoso de Almeida, 1943 | CEP 01251-001 | São Paulo

PORTAL DA TRANSPARÊNCIA ESTADUAL
OUVIDORIA