guilherme
programação
museu
educativo
tradução literária
cinema
publicações
bancos de dados
serviços

Palestra



VISITA ORIENTADA AO ACERVO HAROLDO DE CAMPOS

24 de Abril de 2019 | 19h às 21h
Por Júlio Mendonça e Simone Homem de Mello

CICLO DE PALESTRAS: HAROLDO 90 ANOS

O CANTO PARALELO DAS LÍNGUAS: o trabalho tradutório de Haroldo de Campos

O Centro de Estudos de Tradução Literária, da Casa Guilherme de Almeida, e o Centro de Referência Haroldo de Campos, da Casa das Rosas, promovem, ao longo deste ano, um ciclo de palestras sobre a atuação de Haroldo de Campos como tradutor de diferentes línguas e tradições literárias. Diversos palestrantes abordam a prática da tradução poética que remonta ao programa de vanguarda do grupo Noigandres e representa a base da teorização haroldiana sobre a "transcriação".


VISITA ORIENTADA AO ACERVO HAROLDO DE CAMPOS
Local: Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura

O Acervo Haroldo de Campos – que abriga a biblioteca do poeta e crítico, na Casa das Rosas – testemunha seu grande interesse por literaturas de diversas línguas e seus esforços para traduzir (transcriar) obras importantes de cada uma delas. Esta visita pretende aproximar do Acervo o público interessado em tradução e apresentar alguns rastros do trajeto tradutório de Haroldo.

Para realizar sua inscrição, clique aqui

Grátis

Esta atividade poderá contar como crédito de horas para o Programa Formativo para Tradutores Literários.

 



Júlio Mendonça é poeta, doutor em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) – São Paulo e coordena o Centro de Referência Haroldo de Campos, na Casa das Rosas. Foi o curador da exposição “Esdrúxulo! 100 anos da morte de Augusto dos Anjos” e organizou o livro “Poesia (Im)Popular Brasileira”. Publicou o livro “Democratizar a participação cultural”.

Simone Homem de Mello é autora e tradutora literária. Sua poesia está publicada nos livros Périplos (2005) e Extravio marinho (2010), Terminal à Escrita (2015) e em antologias brasileiras e estrangeiras. Escreveu os libretos das óperas Orpheus Kristall (composição de Manfred Stahnke, Munique, 2002), Keine Stille auβer der des Windes (composição de Sidney Corbett, Bremen, 2007) e UBU – Eine musikalische Groteske (composição de Sidney Corbett, Gelsenkirchen, 2012). Como tradutora, dedica-se à poesia moderna e contemporânea de língua alemã. Desde 2011, trabalha como coordenadora do Centro de Estudos de Tradução Literária da Casa Guilherme de Almeida. Seus mais recentes livros são Histórias em Imagens e Versos – Wilhelm Busch traduzido por Guilherme de Almeida (2017) e Editando o Editor: Guilherme Mansur (2018).

voltar
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO DO MUSEU
Agendamento de visita (grupos): 55 11 3672-1391 | 3868-4128
Visitação: de terça-feira a domingo, das 10h às 18h.
Atividades culturais e educativas: de terça a sexta-feira, das 19h às 21h, e aos finais de semana, das 10h às 19h
(consultar programação).

CASA GUILHERME DE ALMEIDA
CENTRO DE ESTUDOS DE TRADUÇÃO LITERÁRIA

55 11 3673-1883 | 3803-8525 | contato@casaguilhermedealmeida.org.br
Museu: R. Macapá, 187 - Perdizes | CEP 01251-080 | São Paulo
Anexo: R. Cardoso de Almeida, 1943 | CEP 01251-001 | São Paulo

OUVIDORIA