guilherme
programação
museu
educativo
tradução literária
cinema
publicações
bancos de dados
serviços

Bloomsday 2015 na Casa Guilherme de Almeida

Dia 16 de junho é comemorado o Bloomsday, data em homenagem ao escritor irlandês James Joyce, criador de Ulysses, um dos marcos da história da literatura mundial. O termo vem do nome Leopold Bloom, personagem central do livro. Para celebrar a 28ª edição do evento, em São Paulo, o museu Casa Guilherme de Almeida promove atividades especiais nos dias 13 e 16 do mês, com a parceria do Finnegan’s Pub, onde o Bloomsday nasceu em São Paulo. Confira a Programação:

Bloomsday 2015

Celebração anual da obra de James Joyce
Coordenação de Marcelo Tápia e Ivan de Campos

Ulysses e o cinema
13 de Junho de 2015, às 15h
Local: Casa Guilherme de Almeida Anexo (Rua Cardoso de Almeida, 1943)

Duas versões cinematográficas do romance Ulysses, de James Joyce, serão apresentadas e discutidas no anexo da Casa Guilherme de Almeida: da primeira produção, Ulysses, de 1967 (dirigida por Joseph Strick), serão vistos trechos, aos quais se seguirá, na íntegra, o filme Bloom, de 2003 (dirigido por Sean Walsh).

"O canto das sereias"
16 de Junho de 2015, às 19h
Local: Finnegan’s Pub (Rua Cristiano Viana, 358 – Pinheiros)

O Bloomsday 2015, inspirado pela natureza paródica do Ulysses de Joyce e, particularmente, pelo capítulo correspondente ao episódio das Sereias da Odisseia de Homero, focalizará o tema desde sua origem, evocando sua presença no mundo mítico da Grécia Antiga, na própria literatura e música brasileiras – incluindo correspondentes indígenas e afro-brasileiros do mito, como a Uiara do Macunaíma, de Mário de Andrade – para chegar ao romance de Joyce, com as garçonetes-sereias do Hotel Ormond, em Dublin: compondo um coro universal, trechos do episódio serão lidos em diversos idiomas, do hebraico ao português.

A música terá forte participação no evento, que contará com apresentação de gaita de foles, de música instrumental irlandesa – por duas bandas com repertório diverso – e de canções voltadas ao tema das sereias, além de uma jam session de encerramento, que evocará a já longa tradição do Bloomsday em São Paulo, iniciada em 1988, no Finnegan’s Pub, pelo poeta Haroldo de Campos.


Participação no Bloomsday do Rio de Janeiro: A convite dos organizadores do Bloomsday, que acontecerá na Faculdade de Letras da UFRJ, o diretor da Casa Guilherme de Almeida, Marcelo Tápia, fará uma intervenção de 30 minutos por Skype, no dia 16 de junho, às 12h30min, sobre a história do evento no Brasil.

 

Sobre o Bloomsday

A data de sua realização (16 de junho) é o dia em que transcorre a ação do romance Ulysses, cujo personagem central, Leopold Bloom, perambula por Dublin, em 1904. A comemoração conta com leituras, apresentações musicais e teatrais. Comemorado em diversas cidades do mundo, como Londres, Dublin e Nova York, o evento foi criado em São Paulo, em 1988, por Haroldo de Campos, que participou de sua organização até seu falecimento, em 2003. O Bloomsday paulistano inspirou outras cidades brasileiras. Hoje, o evento já acontece em cidades como Florianópolis (SC), Santa Maria (RS), Rio de Janeiro, Belo Horizonte (MG) e Porto Alegre (RS), entre outras.

Os interessados em participar das atividades devem realizar a inscrição pelos links:

http://www.casaguilhermedealmeida.org.br/programacao/ver-programacao.php?idprogramacao=200&iddata=1740

http://www.casaguilhermedealmeida.org.br/programacao/ver-programacao.php?idprogramacao=201&iddata=1741

Ou ligar para (11) 3673-1883. A entrada é gratuita. 


Serviço:

Casa Guilherme de Almeida Anexo
Rua Cardoso de Almeida, 1943. Tel. 3673-1883.
Entrada Gratuita
www.casaguilhermedealmeida.org.br

Finnegan’s Pub
Rua Cristiano Viana, 358 – Pinheiros
Tel.: 11 3062-3232
Entrada Gratuita para o evento no dia 16/06
(O visitante só pagará algum valor no caso de consumação no pub)
www.finnegans.com.br

Programa Continuado: cursos de intelecção de textos em línguas estrangeiras EXPOSIÇÃO - A POÉTICA DAS RUAS Funcionamento de carnaval
Casa Guilherme de Almeida consolida primeiro centro de estudos de tradução literária no Brasil PROGRAMA CONTINUADO: INTELECÇÃO DE TEXTOS EM LÍNGUAS ESTRANGEIRAS Coordenadora do Centro de Estudos de Tradução literária realiza palestra no 17º Encontro de Férias
voltar
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO DO MUSEU

Visitação: de terça-feira a domingo, das 10h às 18h.
Atividades culturais e educativas: de terça a sexta-feira, das 19h às 21h, e aos finais de semana, das 10h às 19h
(consultar programação).

CASA GUILHERME DE ALMEIDA
CENTRO DE ESTUDOS DE TRADUÇÃO LITERÁRIA

55 11 3673-1883 | 3803-8525 | casaguilhermedealmeida@gmail.com
Museu: R. Macapá, 187 - Perdizes | CEP 01251-080 | São Paulo
Anexo: R. Cardoso de Almeida, 1943 | CEP 01251-001 | São Paulo

PORTAL DA TRANSPARÊNCIA ESTADUAL
OUVIDORIA